Depois de chegar a um acordo com Lionel Messi para a sua prorrogação, o FC Barcelona finalmente se deparou com a realidade do fair play financeiro imposto pela La Liga. Segundo informações de diversos meios de comunicação, o craque argentino seria o primeiro a sofrer com esta situação. Embora ele quisesse deixar os Blaugranas, na temporada passada, o seis vezes Ballon d’Or removeu esse cenário de sua mente. Esporte fala até de um verdadeiro “abatimento” do argentino após esta informação.

Embora seja difícil compilar sua imensa carreira no Barça em apenas dez momentos. Tal comoção merece refazer as melhores façanhas do número 10 argentino. Principalmente para quem vai permanecer, e por muito tempo: artilheiro e passador da história do FC Barcelona (634 gols, 256 assistências), La Liga (445 gols, 183 assistências), Clasicos (24 gols e 11 assistências) decisivo) maior número de gols em um ano civil (91 em 2012), em um campeonato europeu ao longo de uma temporada (50 gols em 2011-2012), único jogador que ganhou seis bolas de ouro, etc. Uma nova história poderia ser escrita no PSG, negócios a seguir.

Leia também:Messi e Barça, acabou! Pochettino vai para a ofensiva para MessiMessi está no fundo do buraco