Depois do quarto lugar em Málaga, Les Bleues começou bem em Sevilha. Por ocasião de sua entrada na disputa na quarta rodada do Circuito Mundial de Rugby 7s, Os jogadores de David Courteix não deram chance à Espanha. No gramado do Estádio Olímpico de Cartuja, o Habs deu o tom com dois tentos em dois minutos assinados por Joanna Grisez. Pouco antes do intervalo, a melhor jogadora do mundo em 2021 Anne-Cécile Ciofani sinalizou-se para registrar a terceira tentativa para a seleção da França. Os espanhóis não conseguiram levantar a cabeça no segundo tempo, com Jade Ulutule e Joanna Grisez em vantagem, que aumentou a diferença. Uma segunda tentativa de Anne-Cécile Ciofani e uma conquista final de Yolaine Yengo permitiram aos Les Bleues uma vitória muito clara (43-0).

Um resultado que terão de confirmar no final do dia contra a Bélgica antes do último jogo do grupo contra a Austrália neste sábado.

Os Blues não tremeram contra o País de Gales

Se o programa Blues incluiu duas partidas nesta sexta-feira, a dos Blues foi mais leve. De fato, os protegidos de Jérome Daret começaram seu torneio com um duelo contra o País de Gales. Uma partida que a equipe francesa começou com um estrondo, Jordan Sepho abriu o placar desde o 1º minuto… e depois dobrou a vantagem dois minutos depois. Enquanto Morgan Williams respondeu pelo galês, Joachim Trouabal aproveitou a última ação do primeiro ato para dar aos Blues uma vantagem de dezesseis pontos. Como no início da partida, Jordan Sepho piorou as coisas no início do segundo tempo antes de ver Luke Treharne salvar a honra do País de Gales. No final da partida, Nelson Epée depois Julien Blanc deu mais alívio ao sucesso da equipe francesa (38-12)

, que enfrentará o Japão e depois a Inglaterra neste sábado para concluir a fase de grupos.