Subscribe for notification
Categorias: Internacional

Discurso de Galtier

A atuação do Lille no domingo contra o Saint-Etienne (0-0) não agradou a Christophe Galtier, que apontou as deficiências das suas tropas.

Pouco não tem mais o direito de cometer erros. Porque se ainda estão na liderança da Ligue 1 até o último dia, os Mastiffs estão apenas um ponto à frente dos PSG. Consequência do empate (0-0) sofrido contra Saint Etienne, Domingo, por ocasião do 37e dia. Um mau desempenho que obriga o Losc a vencer no próximo fim-de-semana em Angers para garantir a conquista do quarto título da sua história.

No entanto, será necessário exibir um rosto completamente diferente. “Que Foi um jogo difícil, especialmente o nosso início de jogo, onde talvez houvesse um pouco de tensão, nervosismo. Não reconheci a minha equipa nos últimos jogos, mas está mais uma vez em casa. Perdemos muitos pontos em casa nesta segunda parte da temporada “, Concedeu Christophe Galtier ao final da reunião, lamentando em particular “O começo lento” de seus homens.

E se o Lille quase venceu no final da partida, com Yazici conseguindo a vaga nos momentos finais do confronto, isso não teria sido merecido pela confissão do próprio treinador do Lille. “Jogamos um jogo muito mediano”, disse ele. O Marseillais, no entanto, continua confiante na evocação do último encontro em Anjou. ” Enfim, não é que não mude a equação, teríamos preferido uma margem pequena, mas teremos que estar bem preparados. Estamos sempre na frente, isso cria suspense para todos. Teremos que garantir a vitória em Angers. Não vai ser fácil. Nas últimas 13 viagens, tivemos 12 vitórias e 1 empate. É uma final. Será preciso vencer para ser campeão, martelou. Vamos jogar contra os Angels para vencer. Estas últimas partidas reservam sempre muitas surpresas. É tenso por diversos motivos … Paris irá para Brest, que ainda não foi salva.

»

Leia também:Ligue 1: o 37º diaLigue 1: a classificação

Compartilhar
Por
Redação

Nosso site usa cookies, ao continuar navegando você concorda com os cookies.