Depois de Veronika Kudermetova, surpreendida na véspera pelo suíço Golubic, uma segunda cabeça-de-chave saiu da mesa de Wimbledon. Assim como a russa, Alison Riske também caiu de sua estreia no torneio. O americano ficou em 29º lugar no ranking mundial e semeado em 28º no torneio, e perdeu na terça-feira em três sets (6-2, 4-6, 6-1) contra o tcheco Martincova, 87º na classificação. Nenhum problema, entretanto, para as outras sementes em disputa durante este segundo dia. O tunisiano Ons Jabeur, 24º na classificação, deixou apenas três jogos (6-2, 6-1) para o sueco Peterson antes de encontrar na segunda ronda a eterna Venus Williams, vitoriosa na dor do romeno Buzarnescu (7-5 , 4-6, 6-3).

Pliskova sofreu contra Zidansek

Maria Sakkari, semifinalista no último Roland-Garros, venceu com ainda mais facilidade (6-1, 6-1) do que Jabeur contra o Rus holandês. Sucesso fácil também para Elise Mertens, impiedoso (6-1, 6-3) para o Dart britânico contra quem Caroline Garcia teve que lutar recentemente na grama de Birmingham, mas que ajudou a terça-feira belga cometer 30 erros não forçados. Em oposição à surpreendente eslovena Tamara Zidansek, semifinalista em Paris há algumas semanas, Karolina Pliskova não teve vida fácil, por outro lado. De entrada breakée, o número 13 do mundo ainda teve que salvar um set point (na primeira rodada). O checo finalmente venceu por 7-5, 6-4 em 1h18 de jogo contra uma das revelações do último Roland-Garros.